Parcerias

Logótipo do Banco Alimentar Contra a FomeO Banco Alimentar da Terceira tem vindo a prestar apoio através de alimentos a instituições de solidariedade social, como a AACIT, que entrega às pessoas mais necessitadas sob a forma de cabazes alimentares. Lutar contra o desperdício, recuperando excedentes alimentares, para os levar a quem tem carências alimentares, associam-se a esta causa.

Sabia que:

Os Bancos Alimentares Contra a Fome são, uma resposta necessária mas provisória, porque "toda a pessoa tem direito a um nível de vida suficiente que lhe assegure e à sua família, a saúde e o bem-estar, principalmente quanto à alimentação, ao vestuário, ao alojamento, à assistência médica e ainda aos serviços sociais necessários" (Excerto do artigo 25º da Declaração Universal dos Direitos do Homem)

 

Uma vocação

Os Bancos Alimentares são Instituições Particulares de Solidariedade Social que lutam contra o desperdício de produtos alimentares, encaminhando-os para distribuição gratuita às pessoas carenciadas.

Uma ética

A acção dos Bancos Alimentares assenta na gratuidade, na dádiva, na partilha, no voluntariado e no mecenato. 

Um compromisso

Os Bancos Alimentares em actividade recolhem e distribuem várias dezenas de milhares de toneladas de produtos e apoiam ao longo de todo o ano, a acção de instituições em Portugal. Por sua vez, estas distribuem refeições confeccionadas e cabazes de alimentos a pessoas comprovadamente carenciadas, abrangendo já a distribuição total mais de 390.000 pessoas.